pequena empresa

Redes sociais para pequenas empresas? Claro que sim!

Impostos, abertura de empresa, contador, definição do produto, marketing, contratação e pouca verba. Esses são apenas alguns dos muitos tópicos que qualquer empreendedor em início de negócio precisa se preocupar.

Sabemos que, muitas vezes, as pequenas empresas começam com a famosa “EUquipe”, com no máximo um ou dois amigos juntos, que precisam tocar diversas frentes para fazer o negócio crescer de maneira rápida e com pouco investimento no início.

Por diversas vezes ouvi de amigos empreendedores que “redes sociais são o melhor lugar para começar a fazer marketing” porque é gratuito, está todo mundo lá e com pouco recursos em mãos você já consegue sair criando perfis e ganhando visibilidade para a empresa.

Redes sociais são o melhor lugar para começar a fazer marketing digital?

Sim! De fato as redes estão aí, são gratuitas e com 2 clicks você já tem uma página/perfil para chamar de sua sem a necessidade de saber programar. O que acontece é que, na maioria dos casos, os pequenos empreendedores desanimam rapidamente por, basicamente, 4 razões:

  • Poucos seguidores = Pouca interação nas publicações
  • Falta de tempo para criação de conteúdo
  • Pouca verba para investir em promover o conteúdo
  • Falta de uma página de destino / Site da empresa

De fato esses quatro pilares são a chave para uma boa presença digital e estão ligados entre si. Se não há um alcance bacana nas suas postagens, há um desânimo em continuar produzindo conteúdo. Se há verba para promover posts, mas não há um site legal e a conversão é super baixa, há uma sensação de investimento “jogado no lixo” (que é a pior sensação de todas! principalmente para uma pequena empresa) e assim por diante.

Mas, então, como começar a atuar com minha empresa nas redes?

Antes de tudo eu peço para você estudar o público da sua empresa. “Ahhh, mas eu já sei. São jovens, 18-35 anos, que gostam de cuidar do corpo e são classes B e C”. É um excelente começo, mas isso não te ajuda muito na hora de criar uma estratégia para redes sociais.

Vamos a um exemplo: trabalhei numa empresa familiar do segmento de fitness que não possuía uma área de digital (logo, pouquíssima verba!). O público era exatamente o descrito no parágrafo acima. Precisávamos criar engajamento com a base de seguidores com o menor investimento possível.

O primeiro passo foi estudar o comportamento do público no Digital. Em quais redes eles estavam? O que eles faziam por lá? O que eles compartilhavam? Qual era a relação deles com a marca? Depois de visitar vários perfis, observar os conteúdos compartilhados e ler os comentários de cada post, descobrimos que:

  • Eles adoravam ir para academia, tirar foto fazendo exercício no espelho e compartilhar no Instagram
  • Para alguns, exibir a marca de alguma maneira na foto era sinal de diferenciação perante aos amigos (usar suplemento é um sinal pequeno de maior poder aquisitivo)
  • Ter o corpo mais definido/forte e receber elogios por isso era uma validação positiva para auto-estima.

Percebem que nas 3 conclusões, o reconhecimento era o que movia todas as ações? A marca então criou um concurso cultural chamado “Top 10 Melhores Shapes da Semana” em que os usuários eram convidados a postar uma foto usando a hashtag da marca e uma equipe da empresa fazia a avaliação. Toda Sexta-Feira o perfil postava um vídeo com o resultado em ordem de colocação. Os 3 primeiros lugares eram premiados com produtos.

Custos da ação:

1 – Flipagram – R$7,00 (se você quisesse retirar a marca d’água do app nos vídeos)

2 – Photoshop CC – R$19,90 (Não só para fazer essa arte, né? :P)

3 – Envio de Produtos – R$50,00 (Sedex para os 3 primeiros ganhadores)

4 – Produtos – R$100,00 (não contemplo na conta pois já estavam previstos no orçamento da área de Marketing)

TOTAL: R$ 177,00

Resultado: mais de 1.000 novos seguidores por mês e quase 800 fotos enviadas durante os concursos. Além disso, já tínhamos garantido o post da Segunda e da Sexta-Feira 🙂

Mais do que investimento: reconhecimento.

O baixo custo da ação e os resultados faziam com que ela fosse viável para empresa, mas o melhor resultado mesmo era a relação criada entre seguidor e marca. O reconhecimento de “pessoas comuns” por parte da empresa a tornava mais próxima de quem de fato consome o produto.

Não era surpresa para nós ver posts com mais de 1.500 likes e 100 comentários sem um real de mídia paga, amigos marcando outros para participarem dos concursos e a disputa gerada semanalmente para ficar em 1º lugar. Esses eram os melhores gatilhos que tínhamos para trabalhar o conteúdo. Um amigo chamava outro e acabávamos ganhando mais seguidores e mais fotos postadas com a hashtag no Instagram sem custo de mídia.

Chame para perto e tá tudo certo.

Conheça o seu público, monte um grupo dos mais engajados, chame para bater um papo na sua empresa e faça mil perguntas. Presenteie com um kit, faça uma cartinha agradecendo o tempo deles e aproveite cada um dos relatos dados para pensar em novas ações.

Ter uma pequena empresa e administrar tudo isso não é fácil, mas aos pouquinhos vamos vendo caminhos que podem se tornar viáveis. Conheça o seu público, use a criatividade e saiba principalmente os gatilhos de engajamento.

Quer continuar aprendendo mais sobre como engajar o seu público com criatividade? Continue nos acompanhando por aqui e não esqueça de passar na área de Eventos. Tem sempre coisa boa te esperando por lá 😉

NEWSLETTER:

Cadastre-se em nossa newsletter e receba nosso email mensal com curadoria exclusiva de conteúdo, descontos para eventos e cursos, convites exclusivos para encontros e muito mais!

Author

Galileu Nogueira

Gerente de Marketing Digital na Oracle América Latina, apaixonado por CrossFit, música e Digital. Não desliga nunca e tá o tempo todo observando as pessoas para aprender coisas novas.


Linkedin Facebook Twitter Instagram
Comentários:

Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/mediae15/public_html/blog/wp-content/plugins/easy-social-share-buttons3/lib/modules/social-profiles/essb-social-profiles-helper.php on line 20

Send this to a friend